Inteligência emocional no trabalho: aprenda como desenvolver

Neste post iremos te contar um pouco mais sobre a inteligência emocional no trabalho, para que você tenha informações sobre o que é esta ferramenta e como desenvolvê-la para aplicar no seu cotidiano profissional.

E se pararmos para pensar bem, saber como se portar no trabalho envolve muitas considerações, principalmente porque as relações interpessoais estão ficando cada vez mais complexas, já que as pessoas estão perdendo a habilidade de comunicação humana.

Talvez por ficar tanto tempo ao celular, talvez por educação social deficiente ou mesmo por desinteresse! Fato é que a cada dia vivenciamos diversos conflitos no ambiente de trabalho, causados por motivos cada vez mais sórdidos.

Por isso vamos falar sobre a inteligência emocional, no trabalho e no dia a dia, além de seus benefícios para todos. Continue por aqui para saber mais.

O que é?

Inteligência emocional é um conceito relativamente novo, que se refere à capacidade, natural ou desenvolvida, que o ser humano possui em controlar e gerenciar seus sentimentos diante das muitas dificuldades enfrentadas no dia a dia profissional.

Diz-se que pode ser aprendida, pois se colocarmos diversos exercícios em prática, em busca de identificar os potenciais gatilhos para um descontrole emocional, já conseguimos nos colocar em posição de atenção para evitá-lo.

Benefícios da inteligência emocional no trabalho

Aplicar a inteligência emocional pode nos ajudar em diversas áreas pessoais, porém no trabalho ela também é capaz de nos trazer vários benefícios, como:

  • Ajudando-nos a desenvolver competências.
  • Melhorando a execução de tarefas.
  • Ajudando a desenvolver o relacionamento com colegas de trabalho e clientes.
  • Trazendo mais qualidade de vida.
  • Trazendo um ambiente corporativo mais agradável e amigável.

Como desenvolver Inteligência emocional no trabalho

Desenvolver inteligência emocional no trabalho envolve a atenção com alguns itens básicos, como:

  • Busque se conhecer – identificando o que pode te fazer perder o controle emocional, seja uma discussão, fofocas, críticas, dentre outras situações. Sabendo quais são você pode se preparar mais para elas, controlando suas reações impulsivas.
  • Desenvolva empatia – buscando se imaginar no lugar dos outros, principalmente daqueles que te fazem perder o controle emocional. Parece que estamos sugerindo uma dança com o inimigo não é mesmo? Mas a verdade é que se você procurar descobrir os motivos para as suas ações, pode compreendê-lo melhor. E assim saberá como tratá-lo no cotidiano profissional, evitando conflitos e situações de desgaste. Uma ótima dica para desenvolver inteligência emocional no trabalho.
  • Controle as emoções – uma dica que parece meio óbvia, porém é na verdade muito útil. É como dizem por aí: você não pode deixar as emoções tomarem o controle. Então quando sentir que vai chorar, ter acessos de raiva, dentre outros sentimentos, busque se acalmar, respirando mais lentamente, contando até mil, indo para um local onde possa relaxar, dentre outras atividades.
  • Mas saiba expressar emoções também – desde as alegrias por promoções ou momentos agradáveis. Até descontentamentos com situações do dia a dia. O importante é não guardar nada para si. E quando se expressar fazer isso com o máximo de respeito e cuidado.

Conclusão

Por fim, se verificar que o ambiente de trabalho ainda está complexo, mesmo aplicando o controle emocional, sugira aos seus empregadores a procura de ajuda profissional. Essa é uma forma para que todos possam aprender a controlar seus sentimentos e emoções no dia a dia do trabalho.

Gostou do post sobre inteligência emocional no trabalho? Ficou com alguma dúvida? Deixe seu comentário abaixo!!!

Acesse outros conteúdos interessantes em nosso blog, clique aqui!

Até a próxima.

Um abraço,

Renato Dip

Especialista em Carreiras, Coach & Palestrante